728x90 AdSpace

Últimas News

8 de abr de 2013

Facebook Home, aplicativo vazado ainda tem muitos problemas

Para quem ainda não está sabendo, o aplicativo Facebook Home, novo launcher para dispositivos Android, criado pela rede social que leva o mesmo nome e que será disponibilizado na próxima sexta-feira (12-04), vazou hoje (08-04) e está sendo instalada por várias pessoas ao redor do mundo.
 
Nós do Mobile Xpert também testamos a versão vazada do launcher do Facebook, que virá instalado nos dispositivos HTC First como launcher oficial do aparelho e mostraremos aqui as primeiras impressões sobre aplicativo.
 
Em primeiro lugar, muitos usuários do Android, simplesmente detestam as personalizações que os fabricantes fazem em seus dispositivos para que eles tenham mais “a sua cara” e acabam removendo estas personalizações assim que compram o aparelho. Se você é um destes usuários, esqueça o Facebook Home, ele não foi feito para você.
 
Se você não se enquadra no tipo de usuário citado acima, vamos lá.
A ideia do Facebook Home é bastante interessante para quem não vive sem usar a rede social, pois ela simplesmente colocou tudo lá. Ou seja, você liga a tela do seu smartphone e dá logo de cara com uma atualização de status de um de seus amigos ou de uma página que você curtiu.
 
Isso é bem legal, pois você não precisa mais abrir o aplicativo Facebook para navegar na rede social, basta jogar a postagem para o lado que o próximo post já aparece e basta fazer o gesto novamente quantas vezes você quiser.
 
O Facebook Home pode ser configurado para atualizar os status da sua rede social em intervalos que vão de 30 minutos até 4 horas ou você pode colocar para que nunca sejam feitas atualizações. Esta configuração é importante para a economia de bateria, já que o seu smartphone fica o tempo todo buscando atualizações no Facebook.
Com as atualizações ocorrendo a cada 30 minutos, a bateria do Samsung Galaxy SIII em que fizemos os testes se comportou muito mal e em um período de quatro horas caiu de 96% para 38%. Mesmo com o aparelho em modo de espera consumiu mais bateria do que o normal.
 
Agora vamos aos problemas. Lembrem-se de que esta é uma versão vazada de testes e, portanto, não é uma boa referência para como o aplicativo se comportará realmente depois de sua versão oficial ser liberada.
As notificações Pop-Up não funcionam completamente. É possível ver as notificações do Facebook, mas ao tocar nas mesmas, o aplicativo pede para tocar novamente e depois disso nada acontece.
Não dá para acessar as notificações, nem mesmo dentro do aplicativo Facebook. A contagem das notificações aparece na barra de notificações do aplicativo Facebook, mas quanto tocamos nas notificações, nada acontece. Na versão anterior do aplicativo Facebook, bastava tocar na linha da notificação que o aplicativo direcionava o usuário para o post de destino. O acesso ao bate papo do Facebook, que fica na mesma barra de notificações está funcionando normalmente.
O atalho da tela de desbloqueio para a câmera ainda não funciona, todas as vezes em que tentamos usar o SIII travou na tela e era necessário travá-la e destravá-la novamente para poder usar o aparelho.
Faltou um acesso direto ao telefone. Para fazer uma chamada telefônica no launcher do Facebook se tornou uma tarefa árdua. O usuário tem que desbloquear o smartphone levando seu avatar até ao ícone aplicativos, depois disso é necessário acessar a bandeja de aplicativos (jogando a tela para a direita) e procurar pelo aplicativo telefone. Existe a possibilidade de colocar um atalho para o telefone na primeira tela de aplicativos, mas para um usuário desavisado, uma chamada telefônica pode se tornar impossível. Este acesso deveria ser colocado no desbloqueio da tela. Acredito que isso seja a primeira coisa  a ser feita antes de colocarem a versão oficial no ar.
Depois se certo tempo a tela home ficou toda preta. A tela principal do Facebook Home apresenta o tempo todo, as atualizações dos amigos ou das páginas curtidas na rede social. Isso passou a ser o plano de fundo dos aparelhos que vão utilizar o Facebook Home, mas depois de um certo tempo, a tela do Galaxy SIII ficou toda preta e só aparece o avatar do usuário. Todas as funções e acessos do telefone continuaram funcionando, menos o fundo de tela.
Para quem está acostumado com a barra de notificações do Android (todo mundo), o Facebook Home deu a opção de configurar para que ela possa aparecer, mas a interface original do Launcher não vem com esta opção ativada (mais um motivo para reclamações).
Bem, estas são as primeiras impressões do novo Launcher do Facebook. Como ainda há muita coisa para ver no aplicativo, provavelmente este artigo sofrerá modificações durante as horas seguintes (ou dias).
 
O Facebook Launcher estará disponível para usuários de aparelhos da Samsung e HTC (já vimos que funciona no Nexus 4 e há relatos de que em alguns dispositivos Motorola também funcionou) a partir do dia 12-04 na loja oficial de aplicativos do Android, Google Play, mas já pode ser baixado nos links que são encontrados neste post.
 
Se você instalou o Facebook Home em seu Android e notou mais problemas ou quer dar sua opinião sobre o novo Launcher de Mark Zuckerberg, use a área de comentários para deixar sua opinião.
Atualizado - (08-04 21:20)

De acordo com o site AllFacebook.com, o Facebook agiu rapidamente e bloqueou os acessos ao aplicativo vazado, por este motivo as telas dos aparelhos que estavam usando o aplicativo ficaram pretas. De qualquer forma, no dia 12-04 teremos o aplicativo completo na loja de aplicativos da Google e faremos os testes necessários para que você possa decidir se quer ou não instalar o Facebook Home em seu Android.
Fonte: mobilexpert.com.br 
  • Blogger Comments
  • Facebook Comments

0 comentários:

Item Reviewed: Facebook Home, aplicativo vazado ainda tem muitos problemas Description: Rating: 5 Reviewed By: Tangles Martins